16
maio
10

Casacos de Pele

Hoje vi uma coisa que me deixou perturbada o dia todo: uma notícia da Folha de São Paulo sobre casacos de pele. O que mais me chocou foi a forma como o assunto foi tratado, com tamanha naturalidade, como se não houvesse nada de estranho e anormal em uma pessoa usar um animal cruelmente assassinado por cima dos ombros.

O fato de existir pessoas que comprem esses casacos é algo que não entendo. Alguém saber que está usando como vestimenta um animal que sofreu absurdamente é algo que não consigo assimilar. Até entendo que exista quem mate esses animais de forma tão brutal, afinal, parece que a crueldade é algo inerente ao ser humano. Felizmente ela não está presente na maioria das pessoas, mas é uma realidade que exista quem torture e mate, pessoas e animais, e não sinta absolutamente nada com isso, e pra isso existe a lei que deve determinar uma pena a quem cometa tais crimes.

Mas e quem compra esses casacos? Qual a justificativa? Dizer que elas não sabem o sofrimento por que passam os animais é querer fechar os olhos. Existe informação suficiente disponível, e quem tem dinheiro para pagar por um desses casacos certamente tem acesso fácil a essas informações. Aparentemente essas pessoas não se importam. Quando questionadas, aparecem afirmações como a presente na reportagem da Folha “Os animais são criados em fazendas especialmente com o fim de virarem casacos.” Isso justifica alguma coisa? Isso torna válida a dor sentida por esses animais, cuja pele é retirada quando ainda estão vivos para evitar danos ao futuro casaco, e a morte sofrida que vem em seguida?

O ser humano é tido como um animal racional, mas às vezes tenho minhas dúvidas. Não consigo ver a razão sendo usada em casos como esse. Nem na confecção de casacos de pele, nem no uso desses casacos por parte de pessoas tão ignorantes,  e nem na edição de uma reportagem como a da Folha, que, como se não bastasse ter sido escrita, foi colocada em destaque na página principal da Folha de São Paulo e do portal UOL.

Anúncios

2 Responses to “Casacos de Pele”


  1. maio 20, 2010 às 8:28 am

    Eu não consigo entender o que leva alguém a usar um casaco de pele.
    Deveriam levar essas dondocas nessas tais fazendas e faze-las cuidar dos bichinhos, ver o nascimento, a amamentação, as brincadeiras dos filhotinhos, o apego com a mãe, e, faze-las arrancar o pelo dos bichinhos.
    Com certeza algumas dondocas iriam mudar de idéia!

  2. maio 19, 2010 às 9:53 pm

    realmente, o assunto foi tratado de maneira leviana.
    como se fosse importantissima a função das geladeiras para o armazenamento dos casacos de peles das senhoras ricaças.
    primeiro, ao vestir um casaco devemos nos lembrar que um animal habitou aquele pele.
    segundo, o sofrimento ao ser abatido sem prejudicar a pelagem, é bom nem mencionar aqui pra não revoltar estomagos sensiveis.
    terceiro, num mundo caótico, onde milhões tem fome e frio, dá muito bem pra uma filha da puta destas se aquecer com um casaco mais barato e que não cause a matança de animais inocentes!
    abs
    lilly
    http://coisadelilly.wordpress.com
    e
    http://blogdareforma.wordpress.com


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


maio 2010
D S T Q Q S S
    jun »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Arquivos

Categorias

Clique para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email.

Junte-se a 3 outros seguidores

Acessos ao Site

  • 13,297 acessos

%d blogueiros gostam disto: